Em homem de terno, eu confio!!!

Há tempos, muito tempo mesmo, quando o Jô Soares ainda era legal (rsrrsrs), ele fazia um personagem, funcionário de banco, que atendia primeiro os homens que chegavam de terno e quando indagado pelos outros clientes que viam perder o seu lugar, de bate e pronto ele respondia: – Em homem de terno eu confio!!!

A piada era boa e ainda hoje faz sentido, não é? Que atire a primeira pedra, o alinhado executivo que bem sabe as poderosas mensagens que podem ser passadas por um elegante e de bom caimento terno masculino…

A sua história é antiga e data ainda do século XVII, quando a  arte do bom corte ditava que um homem elegante vestiria 3 peças de mesma cor e tecido. Eis que nasce o terno masculino e que se formos pensar mudou tão pouco até os nossos dias, não é?!

45_122-habit complet secXVIII

Esse modelo é um pouco posterior, do século XVIII. Mostro essa imagem em meu curso de Cultura de Moda para que os alunos possam visualizar o terno em suas origens.

Mais tarde ainda, no século XIX, a vestimenta masculina ganha ares mais sisudos para expressar a personalidade e poder do homem burguês.

45_1112-terno sec XIX

De lá pra cá, de tempos em tempos, grandes nomes da moda tentam (muitas vezes sem resultados efetivos) mudar os códigos da confiabilidade moderna… afinam lapelas, as tiram, modernizam tecidos, deixam slim, fit e por aí vai. Que os digam Dior, Pradas e outras tantas griffes que de temporadas em temporadas tem apresentado receitas para esse homem mais moderno.

beatles_photo_brel

Uma das primeiras “simplificações” do terno masculino foi feita por Pierre Cardin, nos idos e saudosos anos 1960 e foi usado por esses meninos bonitos. Demais, né?!

rafsimonsspring2011mens

Raf Simons, um Pierre Cardin de nosso tempo vem desde a Jil Sander passando receitinhas mais modernas

 E de tempo em tempos os homens modernos reafirmam os seus códigos de confiabilidade, ditando uma primeira e importante regra: devagar com a dor, que na moda masculina tudo vem mais lentamente!

Que tal uma voltinha na Avenida Paulista ou adjacências para confirmarmos a regrinha???

19dez2012---mimicos-orientam-pedestres-a-respeitar-os-semaforos-em-cruzamentos-da-avenida-paulista-como-no-cruzamento-com-a-rua-augusta-o-grupo-faz-parte-da-campanha-da-cet-para-reducao-de-1355921885973_956x500

(por Fernanda Junqueira)

Compartilhe nas Redes SociaisShare on FacebookPin on Pinterest

About Author

entrelinhasconsultoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Ir para o topo